19 de nov de 2008

O primeiro splish splash

Foi em um sábado. Eu vestia preto, sandálias da mamãe e já me sentia preparada. Depois daquela noite, passei a amar ainda mais os finais de semana, as marchas nupciais, e as festas de casamentos em chácaras perdidas no mato. Deu tudo certo. Desde a troca de olhares enquanto a noiva - a filha da tia de uma prima minha, vejam só, entrava para dizer "sim", até o beijo de despedida, quando aquele garoto franzino, que me encantou logo de cara, teve que ir embora da festa. Eu sabia que aquela seria a minha noite. Sentei no gira-gira do parquinho e fiquei jogando conversa fora com uma amiga. Eu tentava disfarçar meu interesse por ele, sorria de canto, virava o rosto... Mas ele notou (ainda bem) e pediu pra uma amiga em comum nos apresentar. Eu não podia ver meu rosto, mas tenho certeza de que estava roxa de vergonha. Certeza. Ele chegou mais perto e perguntou se eu namorava. Na hora eu quis rir. Pô, como assim se eu namoro? Sequer tinha beijado na vida. Respondi que não, trocamos algumas palavras sem importância e um dos momentos mais importantes (e esperados) da minha adolescência aconteceu. O primeiro beijo, a primeira troca de salivas, o primeiro enrosca bigodes. Ali, no meio das árvores da chácara, com músicas bregas tocando ao fundo e choro de crianças vindo do parquinho.

12 comentários:

Duuh!. disse...

shauahaushsua.
que bonitinhoo.

=D.

adoreei.

beeijos

Pavón disse...

Ai, ai, aiii...
O primeiro beijo pode ser com o fundo que for, sempre vai ser o primeiro e o primeiro sempre é unico... lembrei do meu!! rss

Mas me diga, qual foi o fim das duas almas que enroscaram seus bigodes?rss

Beijos

Jéssica disse...

Ah, garanto, o seu foi bem mais produzido que o meu. O meu eu só conseguia ouvir os cochichos das minhas amigas e o barulho do mar...

"o primeiro enrosca bigodes" ahahhaha adoreeeei essa frase!

Bruna Bianconi disse...

own que bonitinha a cena *-*
te amo boo!

Sergio disse...

Taí um bom momento para música brega ter grande serventia...

Ô Jéssica, em pleno 1º beijo, o marulho é superprodução! Os fuxicos das amigas a gente abafa.

Mary West disse...

Ain eu era muito guria cara. Brincar de cai no poço sac? Piriguete desde a infancia. HAHAHAHAHAAHAHAH! :D

D.Ramírez disse...

os "primeiros" na vida nunca esquecemos.
nem tanto talvez por ter sido especial, mas por ter sido únicos. Lembro até de duas que adorava, nem sequer ter beijado..
Até do nome lembro..
Eram belas..
Besitos

Yuuko-sama disse...

auhshsauauhs que bonitinhu mesmo viu \o/

ai ai o meu foi totalmente diferente XD

Yuuko-sama disse...

nossa gosto mt do teu blog
e super legal

May Carvalho ჱܓ disse...

Haushuahsuahsuahs!
O 1º beijo é sempre inesquecível.. Por mais horrivel que ele possa ter sido, nós sempre guardamos as partes mais importantes e bonitas...

Beijos ;*

bruno bortoleto disse...

lindo post *-*
gostei muito de sua forma de escrever... li alguns posts pra tras... e vou esperar alguns que viram... acho que ja encontrei mais um lugar para poder me encantar *-*
beijos.

Duuh!. disse...

aii, adoreei o lay novo Bruu.
=D.

valeeu a visita floor

^^.

beijo