1 de jan de 2008

Um chopp e mais alguém

Eu poderia sair e tomar aquele chopp no centro da cidade. Eu poderia ser realista, pessimista, consumista e fazer valer aquilo que me dizem... É mais fácil dizer que somos hipócritas, quando se é hipócrita tanto quanto. Mas o que eu quero mesmo é ter mais dias legais como os que eu ultimamente ando tendo. E também quero mais alguém aqui comigo. Quero alguém pra abraçar quando for a hora certa para os meus abraços, quero alguém pra beijar, quando a hora não importar, quero alguém pra dizer que eu me cuide, que eu me vista bem.Quero alguém pra mandar presente, mandar carinho e amor de verdade. Quero alguém pra abrir meu coração, pra me ligar na madrugada, fazer declarações, provocar brigas e cantar com um violão. Quero alguém pra refletir comigo, olhar as estrelas nas noites claríssimas, fazer planos, escolher sapatos, dividir sorvete, assistir a filmes docinho, viver situações constrangedoras. Eu quero alguém pra confiar em mim, e ter em quem confiar. Quero alguém pra mandar cartas com papéis coloridos, músicas antigas e frases feitas. Quero alguém pra responder minhas perguntas, apoiar as minhas escolhas, me ajudar a realizar um sonho. Quero alguém pra suspirar depois de um carinho, falar baixo ao pé do ouvido, tocar minhas mãos com amor, retribuir uma gentileza. Quero alguém pra dizer eu te amo e ter certeza de que não é impulso, nem conflito ou confusão. E também alguém que vá comigo ao centro da cidade, pra tomar aquele chopp...

Um comentário:

Eli Nekanovich disse...

eu me candidato: pelo chopps é claro!!