26 de nov de 2007

Disk Pés no Chão

Sinceramente? Acho que o ser humano é o animal mais irracional que existe. Além dos erros que constantemente vemos nos meios de comunicação, relacionados à justiça do nosso país, e tantos outros fatores que vão até os aeroportos e acidentes causados pela irresponsabilidade do homem, o ser humano consegue chegar ao ápice da insensatez quando o assunto é sentimento.

Sempre me achei uma pessoa neurótica, até entrei em comunidades sobre isso no Orkut, mas eu percebi que existem pessoas ainda mais neuróticas do que eu. Chega a ser frustrante dizer isso, já que toda essa neurose sempre me foi bem vista, vamos dizer que uma característica importante pra uma personalidade. No caso, a minha personalidade...

Mas em jogo ficam os valores e o amor-próprio. Não acho que se tornando um bonequinho de plástico totalmente controlável por alguém seja característica que se preze em uma pessoa. Cada um tem o direito de decidir o que é melhor pra si, mas que tem gente se afundando nas frustrações e nos desafetos, achando que está sendo bom e que está valendo a pena, isso tem...

Será que transformando a própria vida, em uma história regada a fantasias e ilusões (ou eu devo dizer desilusões) é possível construir um futuro sólido para se realizar os sonhos de toda uma vida? As noites perdidas não voltaram mais. E ninguém, além de nós mesmos, vai perdoar toda essa falta de tato para com os sentimentos. Sem esquecer, é claro, que o mais difícil não é tornar a vida mais simples, e sim perdoar a si próprio por não ter sido feliz enquanto era tempo...

Nenhum comentário: