18 de set de 2008

Além dos "frascos e comprimidos"

Talvez seja apenas uma fase, talvez seja o carater falando mais alto. Mas de uns anos pra cá novos ideais foram surgindo e alguns, definitivamente, perdendo o sentindo em minha vida. Hoje eu defendo a liberdade de poder vestir a camisa anticapitalismo literalmente e sair para acampar. Defendo o tempo e a dedicação para aprender um instrumento e visitar as crianças carentes no abrigo. Atitude para discutir assuntos polêmicos em classe e não ter medo ou vergonha da reação dos colegas sobre a minha opinião. Responsabilidade para sair no final de semana e virar a noite dançando com os amigos no centro da cidade. Simpatia para dar um "bom dia" sincero ao padeiro de manhã. Sensibilidade para sonhar com amores e lugares conhecidos só por fotografias e filmes. Mais curtas-metragens nacionais para emocionar e nos fazer pensar. Gossip Girl todos os dias pra me fazer ter ainda mais vontade de ir a Nova York. Brigadeiros, geléias e quindins pra não deixar a vida perder o seu sabor. E claro, defendo o perdão, pra deixar a alma mais leve caso alguém pise na bola e estrague as minhas causas.

4 comentários:

- beretta - disse...

Quindin ^^

E gurias com atitude sempre se sobressaem perante outrém!

:D

www.nemeviu.wordpress.com

l'esprit fabuleux disse...

adorei seu texto, super sincero e por isso tão bonito.

te amo ;@

Fernanda Manzatto disse...

ah, seus textos são sempre demais! *-*
kaopkopakopakpoakpoakpoa
ahh, coloquei nossa conversa no meu post de hoje!
vê lá depois! (:
beijos,
amo vc ♥
obrigada por tudo! o/

Kenny disse...

Aaaaham! E Gossip Girl todos os dias *-*

:*