3 de dez de 2007

Boas férias meus queridos...

Na convivência do dia-a-dia.
Esqueci que um dia essa historia teria um fim;
Que nossos caminhos poderiam até se cruzar novamente...
Mas que a incerteza prevaleceria , sempre.
E mesmo sendo otimista...
Enxergo agora , só agora , que poderia ter sido diferente.
Eu poderia ter abraçado mais.
Eu poderia ter beijado mais...
Poderia ter dito "eu te amo" mais vezes...
Ou dito sempre , o tempo todo.
Mas senti meu afeto transparecer...
Porque o meu amor era verdadeiro;
Assim como agora , essa dor , é tão real...
E a saudade que já aperta o peito...
Faz-me castigo;
Mesmo tendo a imagem dos dias perfeitos;
Das discussões perfeitas;
E dos sorrisos , amigos , dos sorrisos perfeitos.
Porque isso não vai se apagar de mim...
Nem da mente,
Nem do coração...
Porque amigos, desculpem qualquer coisa...
Mas espero vê-los no verão.

Nenhum comentário: